terça-feira, 22 de novembro de 2011

Sobre a razão deste blog

Jornalista gosta de conversar. Pergunta onde nasceu o flanelinha,  sai de uma loja sabendo o nome dos dos filhos da vendedora, descobre que o empresário foi colega do vizinho de seu avô, sabe o time do garçom e assim vai.  Não é por intromissão. É sede de gente mesmo. É vontade de descobrir o mundo através do que possui de mais rico: as pessoas. Não só o que elas são e o que elas fazem. Mas o que pensam e sentem. Esta é a matéria-prima da minha profissão. 

E conforme se vai conversando em diferentes pontos do mundo, com diferentes  pessoas em diferentes situações sobre diferentes tipos de coisas, a nitidez da natureza humana vai se revelando e com um magnetismo vital nos atrai para junto dela. Para falar disto que palavras e devaneios se unem neste blog. 

Assim como na vida, aqui não há roteiro. Textos serão sempre sua essência, mas vídeos, músicas, matérias ou declarações terão lugar ao sol. A quem conclui esta leitura, meus mais sinceros agradecimentos pelo tempo dispensado e bom proveito das postagens que virão. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário